Siga o Blog por E-Mail.

terça-feira, 31 de maio de 2016

Guilherme Boulos - Lançamento da Frente Povo Sem Medo Parahyba.



Vídeo do Guilherme Boulos sobre a Frente Povo Sem Medo Parahyba, o Governo Dilma, o Golpe, o Governo imposto e a necessária luta pelo #ForaTemer e #PorDireitos. Obrigado ao Lucas Emmanuel pela gravação do vídeo, junt@s nossa luta é maior e mais forte.

_________

Plenária Frente Povo Sem Medo Parahyba


    Apos o grande Ato/Debate com o companheiro Guilherme Boulos, é hora de avançarmos na organização e nas lutas da Frente Povo Sem Medo Parahyba

     A Plenária do dia 02 de junho, 19h, na ADUFPB, tem duas tarefas imediatas: construir o escracho nacional para o dia seguinte a realização da nossa plenária (03/06) e o calendário de trabalho de base para o grande ato unificado do dia 10 de junho de 2016 pelo #ForaTemer#PorDireitos.

     Façamos uma plenária bem produtiva, leve suas ideias e seus amig@s.

#ForaTemer #PorDireitos

segunda-feira, 23 de maio de 2016

CONVITE - PSOL João Pessoa - Apresentação de Pré-candidaturas.


Quanta (25/05-19h) vamos apresentar nossas Pré-candidaturas. Victor Hugo é nosso pré-candidato para Prefeitura de João Pessoa e eu sou pré-candidato a Vereador, gostaria de contar com a presença d@s lutadores/as sociais, familiares, colegas Assistentes Sociais, colegas de trabalho do MPPB e sociedade em geral.
Nosso lançamento será no Centro Cultural Piollin, teremos atividades culturais e conversaremos sobre nossa cidade.
Venha conosco.

sábado, 14 de maio de 2016

15 de Maio, Dia d@ Assistente Social, Dia de Luta Pelo #ForaTemer.


2016, 80 de Serviço Social no Brasil. 15 de maio, dia d@ Assistente Social, profissional com uma rica história na luta por direitos e em defesa da democracia. Em 2016, não temos nada o que comemorar.

O Brasil vive sob o peso de um Presidente Biônico, imposto por um Congresso composto, em sua ampla maioria, por corruptos.

Michel Temer é investigado na Operação Lava Jato; é parte da Lista da Odebrecht; é citado na delação premiada de Delcídio do Amaral; formou um Ministério com sua Quadrilha que forma a Lava Jato, passando a garantir Foro privilegiado no STF aos seus comparsas.

Um impostor que em menos de 24 horas anunciou demissões e retirada de direitos trabalhistas e previdenciários, congelando salários, impondo terceirização, aumentando o tempo @s trabalhadores/as alcançarem a aposentadoria. Apontou ainda para privatização da previdência pública e do que mais “for possível”, aqui estamos falando do BNDES, da Petrobrás, dos Correios, da CHESF, da Eletrobrás, em síntese, do entrega do nosso país como um todo.

O Golpista anunciou a redução do Bolsa Família e o fim do Ministério da Cultura e do “Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos”, seguindo a linha dos seus ministros, todos ricos, brancos e homens; além de ter um Ministro da Justiça que trata movimentos sociais como terroristas e é claro ao afirmar que não precisa de Ordem Judicial para prender os que lutam por direitos.

Colegas Assistentes Sociais, não vou desejar um feliz 15 de maio, mas desejo que estejamos lado a lado no não reconhecimento desse presidente biônico, lado a lado na luta por direitos.

Que estejamos juntos e juntas com o Povo Sem Medo em uma grande campanha pelo Fora Michel Temer!

15 de maio, dia do/da Assistente Social, Dia de Luta!

Reunião da FRENTE POVO SEM MEDO PARAHYBA

Pauta: Avaliação do ato Nacional e Planejamento do Lançamento com Guilherme Boulos e dos Próximos Atos.

Data: 16 de maio de 2016.

Hora: 19h00.

Local: SINDLIMP.

quarta-feira, 11 de maio de 2016

O Impeachment, a Votação no Senado e o Dia Depois de Amanhã

11 de maio, ou 12 de maio, já que a votação do impeachment vai entrar na madrugada, será apenas mais um dia, pois a banda já foi escolhida há um bom tempo e a música definida por quem paga a festa, a Confederação Nacional das Industrias (CNI), o latifúndio representado pela Frente Parlamentar Agropecuária e pelo fundamentalismo presente na Câmara dos Deputados.

A questão não é o resultado da votação, isso já foi bem definido, mas como será a reação. Quinta (12/05) a noite (19h), no auditório 412 do CCHLA/UFPB, o PSOL fará um ato debate sobre Crime de Responsabilidade e contra o Golpe; na sexta-feira pela manhã, sem local e hora definida, a Frente Povo Sem Medo vai inserir nosso Estado na rota dos atos “Brasil em Chamas” e fará a “Parahyba em Chamas”.

Os atos do próximo período não podem ter como foco 2018, como se o PT não fosse responsável por boa parte do que hoje ocorre em nosso país, seja no campo moral, seja no ataque aos direitos. Os atos do próximo período devem ser para denunciar o golpe que estamos vivendo e a retirada de direitos seguida pelos governos petistas e que será mantida é ampliada por seu seus ex aliados do PMDB.

A luta pela democracia não “rima” com defender governos que retiraram, ou retiram direitos; a luta pela democracia não “rima” com seguir a história da conciliação em nosso país com a garantia da tão famosa governabilidade com foco em Lula 2018, como se ele não fosse também responsável pelo caos instalado no país; a luta por democracia “rima” com luta por direitos, seja na esfera Municipal, Estadual ou Federal.

Acreditem, ao contrário do que dizia o Tiririca, pior do que tá fica, basta ler o programa do PMDB, a pauta da Frente Parlamentar da Agricultura, as propostas da Confederação Nacional da Industria, ou o PLC 257, apresentado pelo Governo do PT e apoiado por Temer. Quem não tem acesso a essas informações, busquem ou mandem e-mail que eu encaminho, só não vamos baixar a cabeça e simplesmente esperar o dia depois de amanhã.

#ForaTemerDoListão

#PovoSemMedoNãoVaiTemer


terça-feira, 3 de maio de 2016

Repúdio aos que Usaram a Bandeira da Paraíba para Exaltar Xenofobia, Racismo e Homofobia

Antes de entrar no texto e nos fatos, queremos contar com seu apoio para exigir que:

  1. O SBT e a TV Tambaú* retire das suas redes sociais o vídeo Racista, Xenofóbico e Homofóbico relacionado com a Bandeira da Paraíba;
  2. Que o Ministério Público possa apurar a existência de crimes no referido vídeo e realizar as devidas punições cíveis e criminais contra os envolvidos.


Introdução

Verdade que a bandeira da Paraíba não representa o povo do nosso Estado como um todo, que tem diversas polêmicas em torno dela; contudo, mesmo não trazendo traços mais coletivos da nossa cultura (no sentido mais amplo que a palavra merece), é a bandeira que é erguida como símbolo do nosso povo em ações públicas oficiais. Não podemos aceitar que nossa Paraíba, ou o Nego da bandeira, seja usada de forma RACISTA, XENOFÓBICA ou HOMOFÓBICA, como fez Leo Lins, pensando fazer comédia e levando sofrimento ao povo, no programa The Noite (de Danilo Gentile), do SBT.

Não vejo esse programa, mas fui alertado por um cidadão indignado que chamou minha atenção para o fato de que a palavra Nego estava sendo utilizada de forma racista, fazendo referência ao povo Negro. Não vou colocar o vídeo na minha Time Line do facebook ou no meu blog, não merece ser divulgado. Solicito, e espero que SOLICITEMOS, inclusive, que a TV Tambaú (distribuidora do SBT na Paraíba) retire das suas redes sociais o referido vídeo, que ataca diretamente a honra de tod@s @s paraiban@s, das pessoas que amam a Paraíba e escolheu aqui viver, como é o meu caso, assim como ataca a honra de todo povo do Norte e Nordeste, d@s Negr@s e d@s LGBT.


Xenofobia

O quadro começa apresentando o mapa de Pernambuco como sendo o da Paraíba, sabemos que não é falta das aulas de geografia, pois no decorrer do programa diz que Norte e Nordeste é tudo igual e termina dizendo que no próximo programa vai investigar quem deu o nome “repugnante ao Vale do Paraíba”. Nega as identidades locais, do Norte e do Nordeste, e usa a expressão “repugnante” em uma clara ação Xenofóbica.


Racismo

Ao tratar da bandeira aparece (Leo Lins) vestido de um representante da Ku Klux Klan - organização racista, homofóbica e xenofóbica, que matou milhares de pessoas - e diz que pode ter sido colocado a expressão Nego no meio da Bandeira por não caber a palavra macaco, ainda sugere que poderia ter escrito no meio da bandeira a expressão “branco opressor”.


Homofobia

No mesmo programa, ainda ao tratar sobre a bandeira, o suposto comediante diz de forma pejorativa que é um absurdo a palavra Nego no corpo da bandeira, que seria “o mesmo que escrever a palavra veado na bandeira de qualquer outro Estado brasileiro”.

Fica aqui nosso repúdio e o início da luta para que os responsáveis sejam punidos como a lei assim entender, de modo que ações como essa nunca mais ocorram contra o povo da Paraíba, do Nordeste, do Norte, do Brasil, do planeta Terra.

Tárcio Teixeira
Assistente Social

Ex Presidente do Conselho Regional de Serviço Social da Paraíba (CRESS/PB)

* Publicado no facebook da TV Tambaú em 28 de abril de 2016.