Siga o Blog por E-Mail.

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Esposa, Feliz 08 Anos.


Bodas de Barro ou Papoula, 02 de julho de 2014, oito anos de casados; é a marcar que chegamos hoje. Não vejo esses anos como poucos ou muitos, mas de uma intensidade que quero triplicar, quadriplicar, quem sabe chegar ao ouro ou onde a vida permitir.

Claro que não foram anos de pura tranquilidade, mas sempre de amor e adequação as individualidades e atribuições coletivas que envolvem um relacionamento. Sempre que essa data vai chegando peço ajuda ao Drº Google para saber que bodas estamos completando; dessa vez resolvi avançar na busca e saber o que apareceria ao procurar Barro e Papoula, deu muito certa essa busca.

O barro é logo relacionado com a vida, estamos nós completando nossa primeira vida juntos? Caso a resposta seja sim, espero viver muitas outras ao seu lado; caso seja apenas mais um ano de uma mesma vida, que possamos sempre modelar um pouco mais nossos dias, seja entrelaçando de forma conjunta nossos dedos no barro ou separadamente, cada um ajustando uma pontinha de uma mesma estrutura.

Seria a definição do Miniaurélio, sobre a papoula, equivocada para ocasião? Acho que não, ele a define como “Erva papaverácea de cujas flores se obtém o ópio”. Amor e ópio estão diretamente relacionados, na euforia provocada pela paixão ou nos cuidados necessários ao trabalhar a redução de danos, seja em meio a saudade, seja em meio as adaptações da vida cotidiana.

Feliz oito anos companheira Áurea Augusta, que nosso barro nunca seja petrificado ou vire pó, que permaneça possível de moldarmos aos diferentes momentos de euforia do ópio chamado amor.


Te amo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi gente, comentem e façam sugestões! Abraço.