Siga o Blog por E-Mail.

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Olharam o céu?

Ao contrário de alguns, não tenho problema algum com a segunda-feira, mas sim com a sexta, pois nela sou obrigado a acordar um pouco depois das cinco da manhã para bater o ponto eletrônico exatamente sete horas. Felizmente a sexta-feira passada foi diferente, não por causa do horário, acordei de madrugada mesmo, foi diferente porque olhei para o céu e vi algo o que não via há muito tempo, a Lua cheia durante o dia.

Imagino que fazia algum tempo que o casal Sol e Lua não tinham um encontro tão romântico. As seis hora da manhã eles trocavam carícias e olhares e uma leve brisa tornava aquele encontro ainda mais agradável, diferente dos dias quentes que antecederam esse romântico cenário. Tive uma sexta cheia, mas estava energizado com o céu da manhã. A noite, após um expediente de trabalho e duas reuniões, fui ao show de Lenine, olhei para céu e não encontrei a Lua ou o Sol, imagino que tenham esticado o encontro romântico em busca de privacidade.

Caso eu não tivesse visto o que vi na sexta-feira, eu jamais entenderia a noite de sábado, nela pude contemplar o mesmo vermelho que já descrevi neste blog ao tratar sobre a forma especial como o Sol nasce no Cabo Branco. Contemplei na Lua aquele mesmo vermelho paixão visto outrora no Sol, naquele momento tive a certeza que apenas eu sabia que o Sol e Lua estavam juntos naquela noite, agarradinhos, sambando e sem pensar em quanto tempo ficariam distantes após aquela noite.

Não sei vocês, mas eu olharei sempre para céu!

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Oi gente, comentem e façam sugestões! Abraço.