Siga o Blog por E-Mail.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Guerreiro Cansado

Amig@s, segue poema que escrevi em 2004 e classificado no I Concurso Nacional Novos Poetas 2011 - Prêmio Augusto dos Anjos. Espero que gostem.

Guerreiro Cansado



Lutei de várias formas

Recitei poemas

Utilizei espadas e armaduras medievais

Mandei flores

Tentei de todas as formas conquistar seu amor

Enviei mensagens

Declarei meu amor de várias formas

Falei da sua beleza

Tivemos altos e baixos, mas você nunca foi minha

Fiz livro

Cantei música

Até estórias contei para você dormir



Meu coração está cansado

Já não tenho mais armas para lutar

Já não tenho palavras para escrever

Já não existem flores no jardim

A incerteza de lhe ter me consome

Já não consigo mais escrever

Já não tenho coragem para lhe ligar

Já não digo o quanto é grande sua beleza

Preciso me libertar dessa paixão desvairada

Já não publico meus sentimentos

Já não canto música

Já não a ponho para dormir



Minhas forças acabaram

Não luto mais por seu amor

Não nego esperar por seu amor

Caso um dia ele exista

Caso um dia me queira

Procure por mim

Não pense duas vezes

Vá à minha procura

Estarei lá

Desisti de lutar

Não desisti de te amar

(Tárcio Teixeira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi gente, comentem e façam sugestões! Abraço.