Siga o Blog por E-Mail.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Construindo a unidade! CRESS/PB

    Conforme, a reunião que tivemos sobre a formação da futura chapa para o CRESS/PB observa-se que de acordo com os encaminhamentos teremos uma chapa unitária em torno do projeto ético-político da profissão.

     Os conselheiros da atual gestão colocaram-se a disposição para construir um grupo unido, com disponibilidade de tempo e independência política para efetivar de forma pontual uma gestão forte e coletiva para o próximo triênio do Conselho. Sebastião, conselheiro da atual gestão, ressaltou que o importante “é construir um grupo unido e disposto para enfrentar o próximo período, que será de grande adversidade”.

    Em clima fraterno e descontraído o estudante de Serviço Social Emanuel Silva destacou a importância da próxima gestão em estar presente nas lutas sociais e ter metas sólidas para futura gestão, sendo a aproximação com as (os) assistentes sociais uma das principais metas que consiste em ter seu ponto de partida à base, ou seja, as graduações federal, estadual e Privada do Estado da Paraíba.

    Na reunião foram ressaltados ainda os avanços da atual gestão: eventos realizados junto a categoria; interiorização do CRESS; presença no Conselho Estadual de Assistência como Presidente; e ampliação dos mecanismos de comunicação. Isso sem deixar de reconhecer as limitações no funcionamento das comissões e mobilização da categoria. “O grupo que compor a próxima gestão encontrará a entidade bem mais estruturada e próxima da categoria que a atual”, completou a Conselheira Glaubia.

    Foi discutida ainda a necessidade de construir metas individuais para cada conselheiro: “a entidade precisa de gente de carne e osso para construir as atividades do CRESS, quem for fazer parte do grupo é fundamental que diga sua disponibilidade para o trabalho”, enfatizou o assistente social Tárcio Teixeira.

O importante desse processo é que as (os) conselheiras (os) que estão propondo-se a seguir na próxima gestão estão com maior clareza das atribuições, reconhecendo as limitações da gestão e dispostos a consolidar o trabalho iniciado. Além disso, alguns dos assistentes sociais que se colocaram dispostos a compor uma chapa unitária, a exemplo de Tárcio (AS do campo sociojurídico) e Cristiane (AS militante do mov. de mulheres), já possuem experiência militante e sabem as dificuldades que terão pela frente.

    As (os) conselheiras (os) do CRESS/PB, presentes na reunião, ficaram de no início dessa semana entrar em contato o AS Tárcio e deixar mais clara a proposta inicial de composição (não de cargos, mas de pessoas dispostas) e assim ser organizada uma reunião com todas (os) que estão propondo-se a compor a próxima gestão do Conselho Regional de Serviço Social.

    Quem tiver disposto a muito trabalho e responsabilidade sem retorno material, seja bem-vindo! Esperamos seu contato!



Emanuel Silva
Tárcio Teixeira

Um comentário:

  1. Quando chegar posso ajudar. Mas primeiro preciso me reestabelecer e quem até o momento JP é um lugar que gostaria de voltar a viver.
    De toda forma muita corajem, força e ousadia para vcs. O desafio é grd mas já me parece que a unidade e o desejo de fortalecer a categoria é maior.
    Bjos e sigam em frente companheir@s

    ResponderExcluir

Oi gente, comentem e façam sugestões! Abraço.