Siga o Blog por E-Mail.

sábado, 16 de outubro de 2010

BRASIL: um 2º turno de mentiras e coação!


31 de outubro! Nesse dia faço 33 anos... Amigos, colegas, conhecidos, parentes, desconhecidos e seja quem mais estiver lendo... Não sejam injustos ao pedir que em uma data tão especial eu vote em Dilma ou Serra, dois projetos já conhecidos, e em nada favorável aos trabalhadores! Mereço presente melhor.

Obviamente não farei um debate principista de acusar ou desrespeitar os companheiros que decidam apoiar Dilma. As pressões sobre a militância de esquerda estão sendo algo sem precedentes. Tudo bem que nos coloquemos absolutamente contra os métodos utilizados pelo que existe de mais atrasado nesse país, o bloco DEMOcratas e PSerraDB faz uma campanha de mentiras e com o que tem de pior, ou mais atrasado, em determinadas religiões. Mas daí a nos culpar por uma possível derrota de Dilma, paciência! 8 anos de pau no lombo, ou 16 somando os de FHC ou séculos se olharmos para toda história, em algumas semanas querer pintar-se de esquerda para ganhar meu voto, e o de tantos outros, para essa aliança doida com o Capital... Paciência!

Caso venha a acontecer uma derrota do PT, não foi nada mais que por suas próprias posições: o derrame de recursos no ensino privado em detrimento de migalhas ao ensino público; ou quem sabe pela ocupação no Haiti; loteamento da Amazônia; a não realização da tão prometida reforma agrária; pode ser ainda pelos bilhões entregues ao FMI e a falácia do fim da dívida pública. Poderíamos seguir com dezenas de outras acusações, mas gostaria de lembrar apenas de mais uma, a reforma da previdência que nem FHC conseguiu realizar e lá foi o PT de Lula, destruir direitos. Sobre o outro lado, estou com a unidade possível dentro do PSOL, NENHUM VOTO EM SERRA! Chega de repressão, privatização e negação de direitos.

Viram o debate da BAND? Ninguém responde nada, só palanque e ataques bem parecidos: “vocês privatizaram todo o país” (Dilma) x “vocês privatizaram dois bancos e até o sistema de esgoto no interior de São Paulo” (Serra); “você é a favor aborto” (Serra) x “você quem regulamentou o aborto” (Dilma); “vocês são contra o bolsa família” (Dilma) x “nosso governo criou o bolsa família, vocês copiaram” (Serra); “nós fizemos X casas” (Dilma) x “não entregaram nem 1/3, já nós entregamos X casas em São Paulo” (Serra)... É o 2º turno do quem promete e acusa mais, mas a mesma proposta para política econômica, ou seja, abraçar as elites!


Aos que acreditam em uma posição tática no 2º turno, aos que votarão nulo ou branco, aos que justificarão ou estarão na praia no dia 31 de outubro, respeito a opção de voto de cada um! Obviamente acreditando que, independente desse segundo turno, seguirão na luta em defesa dos trabalhadores. Só não sou favorável ao “famoso” voto útil (útil para quem?), no menos ruim (para o mercado financeiro?), ou ao debate de quem faz mais bolsa família e promete mais (estão empatados). Assim, gostaria que também respeitassem o meu voto, ou os meus 33 anos!

Abstenção, “Recusa voluntária de participar de qualquer ato” (Dicionário Aurélio); Coagir “1. constranger. 2. Obrigar usando de violência; força” (Dicionário Aurélio). Nego (para o meu voto) a opção de recusar participar do dia 31, nesse dia votarei contra o pagamento da dívida pública, pelo fim dos latifúndios, com a reforma agrária, pela retirada das tropas brasileiras do Haiti, para que acabe o fator previdenciário e por muitas bandeiras históricas ou recentes erguidas pelos lutadores sociais. Como é impossível negociar esse programa com qualquer dos candidatos que temos no 2º Turno, VOTO NULO! Mas como falei antes, respeito os que vão votar de outra forma, COAGIDOS pela aparente falta de opção. NENHUM VOTO EM SERRA!

Forte Abraço e Feliz 31 de outubro!


Um comentário:

  1. Valeu Tarcinho!!!Importante expressar a pressao que muita gente sofre dentro do mundo da politica....BJOS

    ResponderExcluir

Oi gente, comentem e façam sugestões! Abraço.